domingo, 8 de agosto de 2010

Bailarina

A bailarina com sua espetacular leveza fazia a platéia à admirar

Eles, pagantes com olhinhos de bolinha de gude esticavam o riso que ecoava pelo teatro

A bailaria era uma mocinha, uma mocinha bem meiga

Mocinha cativante, dessas ai que comovem um milhão de pessoas em segundos

Ela dava piruetas pelo salão...

Ah bailaria, se eu tivesse a sua leveza.

Nenhum comentário:

Postar um comentário